Há cada vez mais ofertas de férias gays e, portanto, mais opções à sua escolha. A viagem gay está na moda, por isso apresentamos aqui as diferentes opções para a comunidade LGBT.

Abaixo, você tem um índice com todos os pontos que abordaremos neste artigo.

Índice de artigos

Férias gay: opções e principais destinos

Hotéis e spas

Os hotéis nomeados amigo dos gays Eles têm como objetivo atrair pessoas da comunidade LGBT, prestando serviços específicos de acordo com o gosto desses clientes.



Encontramos hotéis gays em praticamente todo o mundo. Um dos mais destacados é o Axel Hotelem Barcelona, que tem 150 quartos e afirma ser hetero-amigável, ou seja, aceita pessoas heterossexuais, mas tem como foco a comunidade homossexual.

No entanto, não é o único na Espanha. Se quiser saber o resto, mostramos-lhe os melhores hotéis amigo dos gays do país neste artigo: Os 10 melhores hotéis para gays na Espanha.

Existem para todos os orçamentos, pois embora a maioria possa ser considerada de alto padrão, também existem categorias inferiores, assim como hostels. Qualquer que seja o preço, todos são cuidados ao pormenor.

Para quem busca um pouco de relaxamento, há também spas e spas voltados para gays, principalmente em destinos asiáticos. Esses locais são mais restritivos, pois geralmente só aceitam homens.

praias

Tanto no Mediterrâneo como no Atlântico e Caribe encontramos praias onde a maioria do público é homossexual. Para localizá-los, muitos deles geralmente penduram uma bandeira gay. Embora não sejam todos, sim é frequente que estes também sejam nudistas.

Esses cantos geralmente ficam nas extremidades de uma praia principal, embora também existam aqueles que são totalmente gays, como é o caso do Super Paradise, em Mykonos, onde todos os dias e noites são realizadas festas para este público.

Nem todas são praias lotadas. Também é fácil encontrar pequenas e tranquilas enseadas freqüentadas por homossexuais. Um deles é o Cala de L'home mort, em Sitges, Espanha.

Tolerância e liberdade reinam nessas praias, todos são bem vindos. Aqui apresentamos o que de melhor pode encontrar na Europa: As 10 melhores praias gays da Europa.

Cruzeiros

Existem também numerosos cruzeiros criados para este grupo. Esses barcos não são exclusivos para pessoas da comunidade LGBT, mas são voltados para eles. Hoje existe uma oferta muito ampla de cruzeiros deste tipo.

Um dos mais proeminentes é o Cruzeiro La Demence, que se organiza desde 2011. Este navio parte de Marselha e viaja para os melhores destinos do Mar Mediterrâneo. Nele você encontra tanto festa quanto relaxamento.

Não existem apenas navios enormes e grandes. Algumas empresas oferecem pequenas veleiros para relaxar, fazer uma festa ou simplesmente passear à beira-mar com um pequeno grupo de pessoas.

Se deseja obter mais informações sobre este tipo de férias, recomendamos que leia o seguinte artigo: Cruzeiros gays ou LGBT: características e principais destinos.

Restauração

Nas grandes cidades existem bairros que são mais frequentados pela comunidade LGBT e, por isso, nos quais encontramos mais bares, restaurantes e pubs.



Um exemplo conhecido por muitas pessoas é o de Chuecaem Madri. Este bairro se popularizou pela diversidade, pelo bom ambiente e, acima de tudo, pelo respeito por todos aqueles que decidem morar aqui ou simplesmente passar uma noite em uma de suas instalações.

Embora ainda não sejam muito famosos, em muitos lugares encontramos restaurantes e bares para gays. Gays, lésbicas e heterossexuais são bem-vindos neles, mas não duvide que você desfrutará de um almoço ou jantar em um bom ambiente.

Os mais difundidos são os pubs e discotecas. Aqui a festa e a diversão estão garantidas. Além disso, costumam apresentar convidados e artistas conhecidos por seu apoio à comunidade LGBT.

Festivais

Chega um dia em que as ruas se enchem das cores do arco-íris, a música não para de tocar e os gays são os protagonistas. Falamos, é claro, de Dia do Orgulho Gay.

Nesta data, que é oficialmente 28 de junho, existem algumas cidades nas quais um parada ou passeios a cavalo. O objetivo é dar visibilidade à comunidade LGBT. Quer saber quais são os melhores? Aqui estão eles: As 15 melhores paradas do orgulho gay do mundo.

Além desses desfiles, existem outros tipos de festivais gays. Encontramos macro festas como Festival Circuit de Barcelona ou Delice sonho de Sitges, que se realiza em maio e recebe artistas de porte internacional.

Também há festivais organizados para lésbicas. Um dos mais importantes é o Festival Internacional de Lésbicas Ella, em Palma de Maiorca. Aqui acontecem não só grandes festas, mas também eventos esportivos, gastronômicos e culturais.

Outras alternativas são os festivais de cinema gay, como o Pode [ser] gay das Ilhas Canárias ou do fancinegay da Extremadura. Nelas são exibidos curtas e longas metragens que dão visibilidade à comunidade LGBT.

Destino

Se você preferir organizar uma viagem Por conta própria, o melhor é ir para um destino onde as pessoas LGBT tenham os mesmos direitos que as outras pessoas e onde haja respeito por elas.

É conveniente evitar países em que a sexualidade de cada um ainda não seja plenamente aceita, inclusive aqueles em que ser homossexual é até punível por lei. Alguns exemplos são Índia, Jamaica ou Marrocos.

No entanto, já existem muitos destinos onde você pode desfrutar em liberdade e sem preocupações. Os países mais amigo dos gays onde se realizam turismo cultural estão a Alemanha, Argentina e Estados Unidos.

Para quem procura um destino para relaxar e descontrair na praia, alguns dos mais recomendados são Espanha, Grécia e Brasil, países que se orgulham de ter um clima ideal para banhos de sol e de mar.

Se, pelo contrário, quer viver experiências diferentes e conhecer lugares exóticosem Australia e Israel você será muito bem recebido, e poderá descobrir paisagens, histórias e culturas até agora desconhecidas para você.

Embora esses destinos não sejam próximos um do outro, em todos existe um importante respeito pelos homossexuais. Aqui está um artigo no qual mostramos mais informações sobre eles: Turismo gay ou LGBT: definição, opções e principais destinos.

Este artigo foi compartilhado 18 vezes. Passamos muitas horas coletando essas informações. Se gostou, compartilhe, por favor: