Se você planeja viajar pela América Latina, é importante conhecer as necessidades de cada território. Aqui você encontra informações sobre as características gerais para viajar pela América do Sul, América Central e México, bem como as vacinas recomendadas e obrigatórias para cada região.

Abaixo, você tem um índice com todos os pontos que abordaremos neste artigo.

Índice de artigos

Viajando na América Latina: requisitos e vacinas necessárias

Procedimentos necessários

A América Latina é formada por um total de vinte países. Cada um deles tem condições especiais para entrar, embora tenham algumas semelhanças.



Informações gerais

Em todos os países, certas nacionalidades têm permissão para ir sem solicitar um visto. Em cada território, esta lista varia, embora em geral se tratem de Estados da União Europeia, bem como da América do Norte, além de algumas partes da América Latina e Japão.

Em geral, essas pessoas são obrigadas a ter passaporte válido, passagem de volta ao país e solvência financeira para fazer frente às despesas de viagem. Essa licença geralmente tem duração máxima de 90 dias. No entanto, em algumas áreas, como o México, chega a 180 dias.

Se você quer saber o informação específica para cada território, clique no país da lista que lhe interessa:

Se você está preocupado com o idioma, deve saber que o espanhol é falado em todos os países, com exceção do Brasil (se usa o português), Guiana Francesa e Haiti, onde se pratica o francês.

Porém, em alguns territórios eles têm mais línguas oficiais, correspondentes às etnias indígenas da área. Aqui estão alguns dos mais proeminentes:

  • Bolívia: Quechua, Guaraní e 34 outras línguas
  • Haiti: Crioulo haitiano
  • Paraguai: guaraní
  • Peru: Quechua

Acordos de mobilidade

Por outro lado, encontramos alguns acordos que permitem que pessoas de países membros se movimentem entre esses territórios apenas com seu DNI ou carteira de identidade.

Em 1969 foi criada a Comunidade Andina de Nações (CAN), por meio da qual há livre mobilidade entre seus países associados: Bolívia, Colômbia, Equador e Peru.

Na América Central encontramos o Acordo Centro-Americano para a mobilidade livre, também conhecido como CA-4. Os Estados membros são El Salvador, Nicarágua, Guatemala e Honduras.

Além disso, na América do Sul existe Mercosul, fundada pela Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai no Tratado de Assunção. Atualmente, estes são os países membros cujos cidadãos podem viajar sem passaporte:

  • Argentina
  • Bolívia
  • Brasil
  • Chile
  • Localização: Colômbia
  • Equador
  • Paraguai
  • Peru
  • Uruguai
  • Venezuela

Outros requisitos

Se você planeja viajar com seus filhos pela América Latina, eles não precisarão de nenhum documento adicional, desde que ambos os pais os acompanhem. Serão exigidos os mesmos documentos que os adultos (passaporte, visto, etc.). Além disso, é aconselhável trazer o Livro da Família.

No entanto, se a criança for sozinha ou com um dos pais, ela pode precisar de um autorização oficial. Isso depende da sua nacionalidade.

Quanto aos animais de estimação, é possível passar com um cão por este território, embora seja necessário documentar as regras de cada país. Em geral, devem ser vacinados contra a raiva, vermifugados e com atestado de boa saúde emitido por médico veterinário.



Além disso, se você estiver procurando informações sobre as condições de cada companhia aérea e empresa para o transporte de animais, pode visitar o seguinte artigo: Viajar com animais de estimação: regras e dicas da companhia aérea.

Vacinações

Não existe vacina obrigatória generalizada em toda a América Latina. No entanto, se você vem de um país onde a febre amarela é endêmica e vai visitar um dos seguintes países, é obrigatório ter essa vacina atualizada:

  • Argentina
  • Belize
  • Bolívia
  • Equador
  • El Salvador
  • Guatemala
  • Guiana
  • Honduras
  • Nicarágua
  • Paraguai
  • Suriname

De qualquer forma, se você for visitar uma área de risco nos países mencionados, recomenda-se a vacina contra esta doença. O mesmo é verdade nestes estados:

  • Brasil
  • Guiana Francesa
  • Panamá
  • Peru
  • Venezuela

Em relação ao Brasil, você pode conhecer todas as vacinas necessárias e requisitos de saúde neste artigo: Vacinas para viajar ao Brasil: quais as principais doenças?

Em qualquer caso, é aconselhável consultar a informação específica do território a visitar, pois pode variar. Por outro lado, para qualquer destino no continente é aconselhável ter estas vacinas atualizadas:

  • Tétano-difteria
  • MMR (sarampo, rubéola e caxumba)
  • A hepatite A

Meios de transporte

Se viajar a este continente de navio ou avião, não terá de apresentar nenhuma documentação diferente da exigida pelo destino. A mesma coisa acontece se você for de ônibus.

No entanto, se você entrar seu próprio veículo como um carro ou motocicleta, os seguintes documentos podem ser exigidos na fronteira:

  • Documentação de automóvel
  • Permissão de circulação
  • Propriedade do veículo ou autorização notarial do proprietário
  • Carteira de habilitação
  • Seguro

Além disso, cada país tem requisitos específicos, pelo que pode ser necessário adquirir um certificado temporário para confirmar que visita o território como turista.

É aconselhável ter o Carnet de Passages en Douane (CPD), visto que é uma garantia do pagamento dos direitos aduaneiros caso o veículo não saia do país.

Recomendações para espanhóis

O Ministério do Trabalho e Segurança Social da Espanha fornece diferentes orientações para os cidadãos que desejam viajar para fora da União Europeia. Indica que para ir a qualquer país da América Latina é necessário ter passaporte válido.

Embora em alguns casos não seja obrigatório, recomenda-se a contratação de um seguro médico privado, já que as Embaixadas e os Consulados não se responsabilizam por esse tipo de despesas, que em alguns países podem ser bastante elevadas.

Para conduzir fora da União Europeia, necessita de uma carta de condução internacional, desde que o país para onde se dirija não possua o modelo de licença previsto nas Convenções de Genebra ou Viena.

Da mesma forma, se vai ficar por um longo período de tempo em um dos seguintes Estados, você pode trocar sua carteira de motorista espanhola pela desse país graças a diversos acordos:

  • Argentina
  • Localização: Colômbia
  • Equador
  • Uruguai

Este artigo foi compartilhado 54 vezes. Passamos muitas horas coletando essas informações. Se gostou, compartilhe, por favor: